Jovens produzem vídeo sobre cabelo

Estudantes da Escola Estadual Paroquial de Menores, aqui de Glória do Goitá estão participando do curso de audiovisual pelo Projeto Ponto de Cultura Seu Zé. O tema abordado no vídeo é cabelo, fazendo com que a sociedade em geral pare para pensar nas questões cultural-racial que o cabelo representa quando se sabe que o Brasil é um país de cultura afrodescendente. O documentário também traz para discussão de como a mídia trata a questão da mulher e do próprio homem terem o cabelo liso ou não, o que é bonito e o que é feio na visão sensacionalista da mídia de massa.

Ao todo, são 13 jovens de 13 a 18 anos, vindos da zona rural e urbana da cidade. A jovem participante do projeto, Valdilene Silva, 17 anos, está entusiasmada em estar produzindo esse documentário e diz ser um tema muito importante para se debater. “Vemos na mídia todo o dia comerciais e comerciais de televisão manipulando principalmente nós mulheres a ter os cabelos lisos e sedosos, já no nosso vídeo queremos mostrar o outro lado dessa realidade absurda”, comenta Silva.

O projeto é uma realização do Giral com financiamento da Fundarpe e em parceria com a Prefeitura Municipal de Glória do Goitá através da Secretaria de Educação.