Área de Atuação

O Giral norteia suas atividades, projetos e intervenções através de duas linhas de atuação: comunicação como direito humano e inclusão digital. A atuação se dá através da execução de projetos, formação de jovens comunicadores e mobilização social através de ações comunitárias.

Com foco no direito humano à comunicação a instituição forma jovens comunicadores nas técnicas de produção de vídeo, jornais comunitários, programas de rádios, exibição pública de vídeos e filmes, produção de campanhas educativas para rádios, realização de pesquisas e intervenções públicas nas escolas públicas e sociedade geral para incidência na criação de políticas públicas de comunicação. O trabalho direcionado para o reconhecimento e democratização da comunicação como direito humano. Pois, acreditamos que só dessa forma, é possível construir o desenvolvimento sustentável, equidade social e melhoria na qualidade de vida.

A atuação para inclusão digital foi reforçada através do projeto Telecentros.BR. Uma iniciativa em parceria com os Ministérios do Planejamento, Comunicação e Ciência e Tecnologia e instituições locais garante cursos de informática e acesso a internet gratuito para adolescentes, jovens e adultos nos municípios de atuação do Giral. Mas, além disso, é requisito que, todos os jovens que passam pela formação em cursos de qualificação profissional do Giral, participem paralelamente, de cursos de informática.  Nesta área, o Giral também possui uma parceria com os telecentros das Casas das Juventudes da região da Bacia do Goitá. No Giral, a inclusão digital é reconhecida como condição fundamental para a inclusão social de adolescentes e jovens na sociedade e no mercado de trabalho.