Professores recebem curso de Libras

Para muitos, uma oportunidade. Para outros uma necessidade de capacitação para melhorar a atual profissional. E assim, para atender a grande demanda por formação de educadores em Libras, o Giral ampliou as 30 vagas iniciais e formou duas turmas do curso básico na linguagem brasileira de sinais (Libras). Juntas, contemplam 60 educadores dos municípios de Glória do Goitá e Chã de Alegria.
As aulas, ministradas pela pedagoga e intérprete de libras, Amanda Tamires são realizadas aos sábados pela manhã. Inicialmente, o curso tem duração de quatro meses, somando 26 de aulas presenciais onde os alunos vivenciam aulas teóricas e práticas, mais atividades externas, como a participação em seminários, conferências e outros estudos.
Para avaliação final, os estudantes devem apresentar uma música em libras. “Houve uma surpresa com a procura. Muita gente queria fazer o curso. Ampliamos de 30 para 60 vagas e mesmo assim, muitos interessados ficaram de fora”, comenta o coordenador do Giral, Leonildo Moura

Giral leva curso de Fotografia para escolas públicas

No segundo semestre de 2014, estudantes de uma escola pública municipal de Glória do Goitá receberam ensinamos sobre as nuances da fotografia. Ângulos, enquadramentos e criatividades ao fotografar foram discutidos na oficina realizada pelo Giral com o apoio do Instituto BRF.

Encantados e curiosos, os estudantes tiraram dúvidas, fotografaram e vivenciaram as técnicas exigidas pelo ato profissional de documentar em fotos, momentos da vida real. As fotografias realizadas durante o encontro foram divulgadas e comentadas nas redes sociais. A oficina foi realizada pelo Projeto Identidades do Giral, com o apoio do Programa Inspira da BRFoods. ”A oficina foi tida como uma novidade. Com a facilidade das lentes nos aparelhos de celulares, eles fotografam, diariamente, mas desconhece as técnicas. Aproveitaram e tiraram muitas dúvidas”, comentou o Coordenador do Giral, Leonildo Moura.

Estudantes participam de oficina sobre meio ambiente

Qual o mundo que vamos deixar para nossos filhos? Foi com essa indagação que educadores do Giral iniciaram a rodada de informações sobre a Preservação do Meio Ambiente e Educação Ambiental para estudantes do Ensino Fundamental da Escola Municipal Santa Rita, em Glória do Goitá.

A ação faz parte do Projeto Identidade realizado pelo Giral com o apoio do Instituto BRF. Na ocasião, além da discussão sobre a importância da preservação e conservação ambiental, os estudantes receberam informações sobre a utilização e divulgação de práticas de educação ambiental através das tecnologias da informação e comunicação.

Além de demonstrar suas preocupações sobre a falta de valores ambientes da sociedade, os estudantes se comprometeram em utilizar as redes sociais para socializar boas e pequenas práticas que fazem toda a diferença na hora de preservar o meio ambiente: reduzir, reciclar e reutilizar. Assim teremos uma sociedade mais consciente e sustentável.